Comentários recebidos nos poemas por santidarko



A vendedora de rezas e o demônio-carne
Ema Machado disse:

Que conto! Prende- nos do início ao fim. Maravilha! Abraços,

23 de Outubro de 2021 21:32

O homem que temia sua própria companhia
Ema Machado disse:

Bravo!!!

12 de Outubro de 2021 21:53

O homem que temia sua própria companhia
Junior disse:

Que poema lindo de ser lido, puro lirismo em cada versejar, transcende o entendimento dos acontecimentos próprios do cotidiano. Estou encantado. Bravo nobre poeta, gratidão por nos brindar em uma reflexão desta magnitude.

12 de Outubro de 2021 19:50

Futuros jejuados
Edla Marinho disse:

\"Talvez,seja preciso enlouquecer,antes de fazer-se São!\"

Gostei!

Boa noite!

10 de Outubro de 2021 19:42

Futuros jejuados
Shmuel disse:

Sempre bom ler o poeta gótico, Santdarko.
Abraços ao amigo.

10 de Outubro de 2021 13:18

Futuros jejuados
Nelson de Medeiros disse:

Bom dia poeta.
Decateta dos anos... Pois é, é preciso ser para sobreviver e viver.
1 ab

10 de Outubro de 2021 09:26

Tranquilos desesperos!
Junior disse:

Um verdadeiro rito a emancipação humana, quanto sentimento empregado no jogo de palavras. Diria ate encenar uma ilusão aos infortúnios da vida, promessa incontida, um brado de liberdade ou talvez apenas um sonho da juventude...Belíssimo poema que nos instiga a pensar e refletir a realidade humana.

30 de Setembro de 2021 14:50

Quantos silêncios,cabem em um coração?
Victor Severo disse:

Sempre magnífico.

29 de Setembro de 2021 11:31

A secreção do segredo(A legião do Morcego )
Junior disse:

Belíssima construção poética. Parabéns nobre poeta.

28 de Setembro de 2021 08:34

O desfaceado reflexo do espelho com face- de-lápide
Cebol@zeda disse:

Mais um belíssimo poema gótico!!! Parabéns, você é bem poético!

21 de Setembro de 2021 18:36

Embargos sensoriais
Ema Machado disse:

Seu poema remeteu-me a uma fatídica história. Uma velha casa e uma geração de sentimentos sombrios. Escreves lindamente!

3 de Setembro de 2021 21:16

A fresta do Vórtice
Carlos Hades disse:

Amigo, me lembra muito as reflexões sobre artificialidades que já escrevi!
Mas obviamente que seu toque ímpar, transcende em muito essas!
Bravo!

31 de Agosto de 2021 14:14

A fresta do Vórtice
Nelson de Medeiros disse:

Bom dia poeta poeta.
Tu és grande, bem sei... Mas, confesso que em matéria de gótico nada entendo.
1 ab

31 de Agosto de 2021 10:37

A fresta do Vórtice
Shmuel disse:

Simplesmente genial, Santdarko!
Abraços!

31 de Agosto de 2021 00:41

A viga-elemento da volver ignição
Carlos Hades disse:

Tudo é vaidade! A maior das vaidades!
Bravo como sempre !

30 de Agosto de 2021 14:41

Eólicos glaciais
Shmuel disse:

Lindo e tênue como as noites frias e intermináveis do mestre Edgar Allan Põe.
Abraços ao grande poeta e amigo Santdarko.

29 de Agosto de 2021 21:57

A Era da meia-noite
Cecilia disse:

Santidarko. Li você até o quinto rol de poemas publicados. Gosto do seu texto original e surpreendente, embora me faltem neurôniospara entender além da primeira estrofe, sempre mais clara .Deu para perceber a força com que você se esconde. Sem pretender invadir, pergunto São de sua lavra os excelentes desenhos tristes que acompanham seus poemas?

20 de Agosto de 2021 19:24

As roxas velas de Rákari/Rakári
Cecilia disse:

Estou lendo seus poemas um a um, comecei o pacote 2. são 10. grande tarefa que me intriga e encanta, com palavras grávidas de novos significados, por sutís deformações, ou por originais aproximações, como\"púlpito de olhares\". Pareceu-me que você se define e se coloca comparativamente, nos primeiros versos. Concordo. mas a palavra \"estranho\", ali, soa estranha. Deve haver outra melhor. Abrço. .

20 de Agosto de 2021 09:53

A ferrugem de velhos amores
Cecilia disse:

Santidarko . Embora seu poema seja hermético para mim, ele me faz impressão. Há muita energia no seu texto, emprego pessoal doa sinais gráficos, lindas invenções, como \" silêcio com o peso de rochedos\". Vou á sua página ler mais. Abraço.

20 de Agosto de 2021 08:29

Matrêa(\"Psicomânticos Estelares\")
Shmuel disse:

Essa poesia é boa demais....cara você é grande. Já gostei de cara, pelo título. O conteúdo é uma pérola.
Abraços, Santdarko.

...\"Todo momento e,sua viagem,
me traz o caminho do qual eu deixara de escolher;
... Aroma de Ectoplasmas,
do que haveria de existir, ante seu escurecer.\"







9 de Agosto de 2021 09:30

O noturno cavaleiro de premoniza (O projeto livro- Noite)
Shmuel disse:

Muito bom! Um cavaleiro elegante e clássico. Quase um templário.

Abraços ao poeta, Santdarko.

1 de Agosto de 2021 18:56

O pranto dos dobrados sinos colegiados
edson ovidio disse:

Uau! Muito Lindo Poema!!!

29 de Julho de 2021 11:58

O pranto dos dobrados sinos colegiados
Shmuel disse:

Eis que na calada e glacial madrugada, me deparo com esta poesia avassaladora.

Bom dia, poeta

29 de Julho de 2021 02:10

\"Monstros\",que reúnem peças de tristezas quebradas
Leointruso disse:

Leitura intensa e inebriante, muito bom o poema.

26 de Julho de 2021 22:57

\"Monstros\",que reúnem peças de tristezas quebradas
Shmuel disse:

Que pérola em poesia! O velho e competente mestre gótico Santdarko. Tua poesia me surpreende, sempre me toma de assaltos as manifestações inatas de um escrever lindo.
Abraços ao poeta!

26 de Julho de 2021 09:30

As roxas velas de Rákari/Rakári
Ema Machado disse:

\" Ser\"estranho\",é ter inúmeras possibilidades ocultas aos olhares alheios.
Ser \"normal\",é contar com a cumplicidade da mesmice e o pensamento confortável para as outras pessoas.\" Profundo e verdadeiro! Abraços,

22 de Julho de 2021 21:18

Drenos memoriais(Eletromágicos mentais)
Ernane Bernardo disse:

Belíssimo, aplausos de pé, ficou muito bacana, bom dia, forte abraço.

22 de Julho de 2021 07:39

Drenos memoriais(Eletromágicos mentais)
Shmuel disse:

Nossa, Santdarko, adorei irmão. Gostaria de ouvirr esta poesia cantada.
Grande poeta!

21 de Julho de 2021 09:41

Noites, que mastigam olhos
Shmuel disse:

...\"mas, até mesmo ao mais fraterno,
há, de faltar canduras\"...
Lindo e sútil como as minhas noites insones!
Tens o meu respeito e admiração, Sua poesia invade minha mente. O universo que habita o mestre Santdarko é único e
fascinante.
Abraços!

10 de Julho de 2021 03:44


Página 1 de 71234567»


« Voltar ao perfil de santidarko