Comentários recebidos nos poemas por Maria dorta



Alforria
Maria dorta disse:

Lindo: felicidade que nos prende! Amei!

5 de Novembro de 2020 08:22

Alforria
Hébron disse:

Alforria e desapego... A felicidade não aceita amarras e o amor é essa liberdade que nos prende...
Abraço

5 de Novembro de 2020 08:04

Simplesmente viva!
Maria dorta disse:

Grata pela apreciação e sua abalizada aceitação.

3 de Novembro de 2020 14:12

Simplesmente viva!
Edla Marinho disse:

\"Morremos duas vezes,admito também.

Uma,quando deixamos de amar alguém.

Outra morte é deixar de ser amado.

Essa opção é o pior dos pecados!\"
Destaquei estes versos por concordar plenamente com eles.
E ...
\" amizade é mais que amor\" é meu grande lema na vida; Preso tanto as amizades... Sinto falta de conversar sobre a vida... As dores e flores, Contadas ou não em versos, pois sempre repito que \" Amizade é um amor que deu certo\"
Gosto de sua sensibilidade, poeta Maria Dorta.
Meu abraço.



2 de Novembro de 2020 23:33

Simplesmente viva!
K. Kronecker disse:

\"Amizade é mais fiel que amor\", me pôs a pensar! Incrível, muito obrigado por compartilhar conosco tanta sabedoria!

31 de Outubro de 2020 13:56

Tempo
Edson Alvez disse:

Lindíssimo poema!
Gosto muito do termo tempo, pois dele nos valemos para permanecer.
Creio porém, que devemos fazê-lo valer a pena, pois o ontem passou.

Parabéns!
Fique com Deus

31 de Outubro de 2020 10:07

Simplesmente viva!
Priscila Ribeiro disse:

Lindo poema!! Simplesmente viver as loucuras, amores, ilusão e perigo de qualquer idade.

31 de Outubro de 2020 00:45

Simplesmente viva!
lucita disse:

E vivendo poetisemos sempre...
O amor, a fé, alegrias e também dores...

31 de Outubro de 2020 00:01

Simplesmente viva!
Shmuel disse:

Maria Dorta, Bonito poema, um recado simples e direto, se \"possível\" viva, simplesmente.
Boa noite, querida.

30 de Outubro de 2020 23:37

Simplesmente viva!
Hébron disse:

Viver é amar e deixar de amar é morrer...
É desnecessário dizer, por ser óbvio, mas admiro muito sua escrita!
Abraço, poetisa

30 de Outubro de 2020 22:41

Simplesmente viva!
Elfrans Silva disse:

Ótimo conselho: simplesmente viva!
Claro está que não é viver muitos anos, porém, sim , viver intensamente.
Bela composição, poeta Maria Dorta.
Abraços

30 de Outubro de 2020 22:09

Simplesmente viva!
Ary Bueno [ O Príncipe dos poemas e do amor] disse:

Parabéns Maria dorta, um poema realmente verdadeiro, pois amizade sincera, leal, sem cobrança, é uma das coisas mais importante na vida, só que vejo o amor, como algo que transcende a tudo, quando é de verdade. e que machuca demais quando nos trai, assim como nos mata mil vezes um amigo quando nos trai, e nos rouba a pessoa amada, isto para mim é imperdoável. .. Mas adorei o poema, no seu contexto. Grande abraço.

30 de Outubro de 2020 20:30

Reminiscencias
Maria dorta disse:

Grata Hebron. Você me enrique com sua sabedoria.Abc

30 de Outubro de 2020 11:00

Reminiscencias
Hébron disse:

Maria dorta, um sermão lírico traz verdades e sugere importante reflexão sobre relacionamento, sobre o amor próprio.
Muito bom!
Abraço

30 de Outubro de 2020 07:20

Reminiscencias
Eras disse:

Parabéns, poeta. A pior solidão é a solidão se si mesma, belo poema.

29 de Outubro de 2020 22:48

Reminiscencias
Shmuel disse:

Quantas verdades, mesmo que nuas e cruas,
Adorei!
Parabéns, Maria Dorta.


29 de Outubro de 2020 21:24

Reminiscencias
Ema Machado disse:

Conheço uma história semelhante… Excelente reflexão, parabéns, querida.

29 de Outubro de 2020 20:23

Reminiscencias
Victor Severo disse:

Bela reflexão.

29 de Outubro de 2020 14:48

Reminiscencias
Zaira Belintani disse:

Maria, Dorta, que linda a sua definição de solidão!
Quando nos perdemos das pessoas que nos são caras, vai-se um pouco de nós. Mas se nos perdemos de nós, nada fica!
Abraços e uma ótima tarde!

29 de Outubro de 2020 13:58

Reminiscencias
Carine Seganfredo disse:

Lindo poema, retrata uma briga que venho á muito tempo tentando entender.

29 de Outubro de 2020 13:53

Você ,meu viver
Edla Marinho disse:

E que ela perca a foice e demore séculos pra encontrar. Assim, vamos tendo a benesse de teus versos.
Boa noite, meu abraço.

28 de Outubro de 2020 21:38

Você ,meu viver
CORASSIS disse:

A morte nunca leva o poeta ...
Já a dor do amor é insuportável
Mas o mel não nega a doçura
Parabéns poetisa
Abraço

28 de Outubro de 2020 19:42

Você ,meu viver
Maria dorta disse:

Grata,querida poetisa, Você me sensibiliza com suas gentis palavras.

28 de Outubro de 2020 19:37

Você ,meu viver
@(ND) disse:

Fico com os doces versos, não desprezo a velha foice do tempo , com diz Shimul, enquanto ela não vem, você, Maria Dorta é como \"O mel não nega doçura;Você espalhava formosura; De tua inteligência o fulgor; era fonte de alegria e rubor.\" Que venham mais e mais poesias para brindar a vida e o coração!

28 de Outubro de 2020 19:03

Você ,meu viver
Shmuel disse:

Muito lindo, Maria Dorta, enquanto a dama de manto negro, e foice em punho não vem. Nós brinde com textos maravilhosos que escreve com maestria. Entendo as concessões poéticas para elaboração de uma obra deste quilate. Então receba meu comentário como um afago e gratidão por expor seus variados sentimentos.
Grande, poeta, abraços.

28 de Outubro de 2020 12:58

Espelho
lucita disse:

Gostei...
Simplesmente gostei de ler...
Obrigada pela partilha!

27 de Outubro de 2020 22:46

Espelho
Maria dorta disse:

E você sempre magnânimo! Grata!

27 de Outubro de 2020 21:51

Espelho
Hébron disse:

Maria dorta, sempre primorosa...

27 de Outubro de 2020 21:36

Espelho
Maria dorta disse:

Grata pelos conselhos. Você me sensibiliza. Abraço espelhado!

27 de Outubro de 2020 18:24

Espelho
Ary Bueno [ O Príncipe dos poemas e do amor] disse:

Lindo poema, os espelhos distorcem as imagens, e refletem o contrario, portanto não leve em consideração o que se vê, o importante é aquela imagem que não vemos, que nunca envelhece, não precisa maquiagem , pois éla irradia apenas o que muitos não enxergam, que é a nossa alma, o nosso coração, a nossa luz, isto são coisas de uma beleza que poucos podem ver, sentir, ou imaginar. E isto nós os poetas e poetisas, temos sensibilidade bastante para enxergar . E por teus poemas, jovenzinha, vejo que sua alma é bela. Portanto, quebre este espelho, e olhe para dentro de si e veja que é verdade o que digo. Grande abraço

27 de Outubro de 2020 15:19



« Voltar ao perfil de Maria dorta