Escritora com síndrome de down é vencedora do Prêmio Cromossomo 21 de Literatura e Inovação

Fernanda Machado, escritora Gaúcha com síndrome de down, é a vencedora do Prêmio Cromossomo 21 de Literatura e Inovação.

Escritora com síndrome de down é vencedora do Prêmio Cromossomo 21 de Literatura e Inovação

O livro de Fernanda, intitulado de “Taragô”, conta a história de uma adolescente chamada Nândhya Luz que sai em busca de conhecer mais sobre seus ancestrais e sobre sua história, assim ela se depara com um portal mágico que a levará por uma jornada de descobertas. A personagem da história também tem síndrome de down, assim como Fernanda.

Fernanda concorreu com mais outras 40 obras e além de ganhadora do prêmio, ela também conquistou um contrato para a publicação do seu livro.

Fernanda, que também é formada em design gráfico, ganhou também o direito a revisão do livro, diagramação, etc. Ou seja, todas as etapas para a produção e lançamento do livro foram providenciadas para ela. E o valor de todas as vendas será revertido para ela.

O lançamento do livro de Fernanda Machado será no dia 9 de dezembro deste ano, com a pré-venda no canal do Youtube do projeto Cromossomo 21 às 19h. E quem tiver interesse poderá fazer a aquisição no site www.tarago.com.br.

A escritora com síndrome de down conta que desde o primeiro ano do ensino médio que começou a ter inclinação pela escrita a desenvolvê-la. Ela também conta que cursou design gráficos já com foco em um dia poder escrever e publicar um livro.  Ele até já trabalhou como monitora na biblioteca Moacyr Scliar.

Fernanda ainda diz que, além desse sonho, também tem o desejo de contribuir para a inclusão social. E ela fez parte também do projeto Expedição 21, projeto que deu voz para jovens com síndrome de down e que virou um documentário.

 

Sobre o Prêmio Cromossomo 21 de Literatura e Inovação

Essa é a primeira edição do Prêmio Cromossomo 21 de Literatura e Inovação, projeto idealizado pelo educador social Alex Duarte. Com esse projeto, Duarte tem como objetivo a descoberta de novos escritores que tenham algum tipo de deficiência intelectual.

Também, o projeto e o lançamento do livro de Fernanda são estímulos para que outros escritores com algum tipo de deficiência intelectual também enxerguem e abracem essa oportunidade.

Comentários2

  • SANTO VANDINHO

    Paz e Bem ! Parabéns ! Poetisa! Beijusssss

  • lucita

    Legal demais esse concurso e seu resultado na inclusão.
    Parabéns aos organizadores e a vencedora!

Enviar comentário