O AVC limitou seus movimentos, mas ela encontrou nova paixão na literatura

Professora sofre AVC, tem movimentos limitados, mas encontra na literatura sua nova paixão.

O AVC limitou seus movimentos, mas ela encontrou nova paixão na literatura

Há 15 anos a professora e bióloga Cilene Queiroz sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC), algo que tornou a sua locomoção limitada, tendo que parar de trabalhar e mudar radicalmente muitas coisas da sua rotina. Mas o que ela não esperava era que encontraria, nesse momento de incertezas, um recomeço através da literatura.

Foi com sua curiosidade, criatividade e vontade de criar que ela descobriu uma nova paixão.

Foram alguns bons anos desenvolvendo essa nova carreira. Hoje a escritora é membro da Academia Feminina de Letras e Artes de Mato Grosso do Sul (Aflams).

 

Sobre o lançamento do seu livro

Na última quinta-feira (27/01) Cilene fez o lançamento do seu novo livro “Sala de Flores”.

A escritora, que reside em Três Lagoas, Mato Grosso do Sul, conta que essa obra é um romance com amor, ódio e muitas reviravoltas, tendo como cenário o ambiente familiar dos anos 1890 e 2000.

O livro é uma saga da dinastia do italiano Donato Pace Giuseppe, tendo a autora se inspirado em Machado de Assis. Ela conta que ao longo da história existe uma quebra cronológica, dando a impressão de serem dois livros em um. O livro teve lançamento em Campo Grande, mas no dia 3 de fevereiro será também lançado em Três Lagoas.

Enviar comentário