Aos 73 anos vendedor de picolé tem primeiro livro de poemas publicado

De vendedor de picolé a poeta, assim teve uma reviravolta a vida do senhor Erivaldo Alencar de 73 anos.

Aos 73 anos vendedor de picolé publicou seu primeiro livro de poemas

O poeta, até então, custeava seu próprio sonho, mas agora ele conseguiu ser publicado por uma editora.

Ele, que vive em Acopiara, no interior do Ceará, está agora organizando a distribuição da sua obra por todo o estado.

 

Um sonho realizado: de vendedor de picolé a poeta, o reconhecimento do seu trabalho

Foi em novembro deste ano que ele realizou o seu sonho, tendo recebido em sua casa um caminhão da transportadora que veio de Fortaleza com 500 exemplares do seu livro de poemas “Coquetel de poesia”.

Para ele foi uma emoção tão grande que, conta o mesmo, não existiram palavras para expressar o que sentiu no momento.

O que ele descreve é que sua vontade naquela hora foi de gritar para o mundo inteiro que agora ele havia sido publicado como poeta, que tinha recebido o reconhecimento que lutava para ter, conquistando um livro publicado por uma editora.

Por décadas Erivaldo custeou as publicações dos seus livros de poesia do seu próprio bolso, com a venda de picolés. E até hoje ele continua com a vendendo os picolés, mas agora nasceu nele o sonho de um dia poder viver apenas com a venda dos seus livros.

Tudo isso foi possível devido a uma iniciativa da prefeitura do município de Acopiara, por meio de uma ação que valorizava os trabalhos de artistas locais, bem como através da veiculação de matérias sobre a história do senhor Erivaldo nos veículos de notícias.

Em seu blog, o poeta publicado divulga seus escritos com bastante frequência.

Enviar comentário