Hébron

Eu e o tempo

O que deixo de mim
Nesse tempo que passa e não espera?

Eu fico, o tempo passa...
Fico com ele?
Ele me leva, o tempo passa!

O que deixa o tempo de si
Nesse Eu que passa e não espera?

O tempo fica, eu me vou...
Fica comigo?
Eu levo o tempo, sou Eu quem passa!

Estações do tempo, lembranças...
Estações de mim, lembranças...

Verão de mim o que deixo aí para todos, verão;
Frieza do meu toque, inverno que não mais existe;
Perfume de flores, pétalas, sonho da vida que persiste;
Folhas que caem do outono do meu viver, reflexão, adubos do meu chão!

O que deixo de mim
Nesse tempo que passa e não espera?

  • Autor: Hébron (Pseudónimo (Offline Offline)
  • Publicado: 1 de Julho de 2020 00:14
  • Categoria: Não classificado
  • Visualizações:
  • Usuário favorito deste poema:
  • Fração de Tempo.

Comentários10

  • Maria Lucia

    Excelente!!
    Me faz refletir que o tempo está à nossa disposição, mas é ele que dispõe de nós.
    Estabelecer com ele uma relação de paz é um desafio permanente.
    Parabéns. Saio da leitura com tempo mais poetizado no olhar.
    Bom dia Hébron!

    • Hébron

      Muito obrigado, Maria Lucia!
      O tempo é um mistério... mistério poetizado!
      Abraço

    • Chico Lino

      Como que aguardássemos um compromisso sério, entre riso e lamento, não seria a vida, um simples passatempo? Bom dia, Hébron...

      • Hébron

        Passatempo simples é a vida, realmente! E a vida passa rápido...
        Abraço!

      • Nelson de Medeiros

        Pois é amigo, o tempo passa rápido e leva com ele tudo sem esperar . Só levamos as lembranças boas e ruins. 1 ab

        • Hébron

          É, meu caro, é importante nos atentarmos para o valor dos momentos... é bom ter saudades amanhã!
          Abraço

        • Ana Carmo

          Que lindaaaaa!!! Sem palavras...refletindo ainda....
          Excelente! Parabéns!
          Abraços

          • Hébron

            Muito obrigado!
            Seu comentário é um afago, um carinho e um incentivo.
            Deixa a gente até realizado...
            Grande abraço!

          • Rosangela Rodrigues de Oliveira

            O que deixo de mim nesse tempo que passa e não espera? É de se refletir. Parabéns pelo poema.

            • Hébron

              Muito obrigado, poetisa!
              Sua leitura e comentários me deixam muitíssimo feliz
              Abraço

            • Paula Guedes

              "Eu fico, o tempo passa..."
              "O tempo fica, eu me vou..."
              Eterno paradigma da vida: passamos pelo tempo ou o tempo passa por nós?
              Amei!!!!

              • Hébron

                Adorei sua visita e seu comentário!
                Muito obrigado

              • Fração de Tempo

                Poema grandioso! Me identifico logo porque o tempo é um dos meus temas preferidos para poema, poesia e textos de reflexão subjetiva.

                • Hébron

                  Seu comentário me deixa feliz, alegre, incentivado!
                  Muito obrigado
                  Abraço

                • CORASSIS

                  O que deixo de mim
                  Nesse tempo que passa e não espera?"
                  Amigo Hébron ,grande final e ainda estou a refletir...
                  Parabéns

                  • Hébron

                    Caro amigo poeta, que alegria para mim o poema ter lhe tocado assim.
                    Fico feliz e realizado!
                    Obrigado
                    Abraço

                  • Edla Marinho

                    Hébron, poeta menino, como diz a Neiva, quanta verdade neste poema!
                    Ele, o tempo, passa, e ficamos com as lembranças até que também nós passamos a ser quem um dia por aqui passou...
                    Muito bom ler tão expressivo poema!
                    Meu abraço!

                    • Hébron

                      Edla, muito obrigado!
                      Abraço

                    • @(ND)

                      Gosto de versejar sobre o tempo, Hébron, pois assim penso também em nossa efemeridade... Não dispomos do tempo que desejamos mas daquele que nos foi dado, vivamos , pois então... Amei seus versos!

                      • Hébron

                        Muito obrigado, amiga poetisa!
                        Abraço, Neiva



                      Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.