Nelson de Medeiros

EU TE AGRADEÇO



EU TE AGRADEÇO

 

Eu te agradeço, moça, eu te agradeço...

Sim...Eu te agradeço por ter deixado

Conhecê-la, e, de um modo, ter te amado;

Amor que - com certeza- eu não mereço...

 

Não tenho comigo, mais, o endereço...

Teu correio moderno está calado

E não responde nunca meu chamado;

Não pude agradecer o teu apreço...

 

Faço-o, hoje: O presente recebido

Transcende, vira o tempo pelo avesso;

Réplica do ontem revivido agora!

 

Bem me diz este dom imerecido

Que inato eu trago no meu peito opresso:

-A vida se repete a cada hora!

 

Nelson de Medeiros

Comentários3

  • Claudia Casagrande

    Líndíssimo. Muita inspiração.
    Seu soneto romântico é um show.
    Parabéns!
    grande abraço

  • Nelson de Medeiros

    Imensa gratidão poeta por sua consideração para comigo.

    1 ab

  • Anny

    A gratidão sempre é um gesto Bonito. Que bom você poder expressar desta forma por meio de um poema. Feliz sábado pra você, muita inspiração!



Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.