Nelson de Medeiros

NOVA VERSALHES

NOVA VERSALHES


Desde a muito não me assusta mais a morte,
pois, que acredito noutro mundo, noutra vida;
mas, neste, onde estou, a razão sempre convida
para escutá-la sobre as dores dos “sem sorte”!

Faculdade que me aflora em grande porte,
quando percebo um injustiçado em sua lida,
que, espoliado pela corja desabrida,
vive no reino onde a miséria é seu consorte!
 
Gente velhaca, alienada, apodrecida,
(nova Corte de Versalhes ensandecida)
que se entrelaça no seu mundo em vis segredos!
 
Por isso eu  volto o pensamento pra Esperança,
(onde meus medos eu coloco em confiança),
pois que a Esperança paira acima desses medos!

Nelson de Medeiros

26/12/2021

 

Comentários8

  • Rosa Desirre

    Ainda bem que temos a esperança
    essa é o nosso conforto pra suportar tanta agrura nesse mundo.
    Obrigada pela boa leitura
    Um lindo dia pra você.

    • Nelson de Medeiros

      Bom dia, poeta.
      Verdade... Esperança de novos tempos....
      1 ab

    • Jucklin Celestino Filho

      Caro Nelson, verdade, meu amigo! O Brasil está perdido num caos faz mais de três anos.Um desgoverno. Um sujeito perverso, desumano, incompetente, inepto para o cargo que lhe caiu no colo.
      Vemos o país pouco a pouco sendo destruído, sua gente padecendo agruras, a fome aqui chegou de vez -- um cortejo de fomelicos, entregues à própria sorte, a mendigar, a correr ruas e ruas à procura de algo para comer, fora quase 700 pessoas mortas frente à da pandemia e à inércia e à deliberada intenção de não comprar vacinas, empurrando para as pessoas inutilidades de: invemectina, cloraquina, azitromicina e outras drogas ineficazes contra a Covid --19.
      Fizeste um retrato desde triste Brasil, meu amigo Nelson de Medeiros.

      Parabéns!

      Forte abraço!

      • Nelson de Medeiros

        Bom dia poeta.

        Pois é... Precisamos nos posicionar sempre...
        1 ab

      • Claudia Casagrande


        Que triste a nossa realidade!
        Gosto de ler conhecimento, em rimas, bem escrito, gosto de aprender, de concordar, de discordar.
        No caso, concordo plenamente.
        Gosto muito de aprender com você.
        Vou te recomendar o livro do Helio Valin, nosso amigo poeta.
        Tenho certeza que você vai gostar muito.
        grande abraço

        • Nelson de Medeiros

          Bom dia, poeta.
          Com certeza vou ler sim, aprecio os textos do poeta Helio Valim.
          1 ab

        • Claudio Reis

          Saudações caro poeta Nelson!

          Um soneto explícito nós faz refletir e saber!
          Concordo e compartilho com seu sentimento!
          Feliz ano novo amigo! Siga feliz.

          • Nelson de Medeiros

            Bom dia poeta.
            Que bom que ainda temos no pais gente com senso apurado, sem falso idealismo sob a égide de bandeira insana.

            1 ab

          • Maria dorta

            Magnífica está tua posição social,nela se vê toda a tua humanidade e eu comungo com ela pois me dilacerou a cada dia,vendo o desmantelamento de nosso país e a miséria que grassa neste nosso país. Eu que vivo na região Nordeste,está que sempre há pago um alto preço para a seca e para o pouco caso dos nossos políticos. Eu presencio toda a imolação da minha gente. São poucas as andorinhas que aqui fazem um verão,amigo. Não se pode ser feliz vendo um batalhão catando no lixo o que comer! Eu,me perco nesta situação tão cruel que me faz chorar de impotência. Não se pode ser feliz sozinhos. Seu grito,seu descontentamento ,sua desesperança é tbem a minha. Faço minha parte mas sempre acho pouco. Parabéns pelo teu posicionamento. Aplausos de pé!;

            • Nelson de Medeiros

              Bom dia poeta.
              É por ai mesmo. Não podemos ficar inertes ante tanta maldade, tanta insanidade e tanta tolice de um lunático que não tem noção do que fala e faz.

              1 ab

              • Maria dorta

                Chego a me arrepiar, só de pensar que esse Bozo tem poderes,com sua gang mortífera,de novamente,enganar nosso povo sofrido. É uma massa de quase analfabeto,não desenvolveram raciocinio,nem tem como se informar corretamente. Vende o voto por besteira,se engana facilmente com uns tostões emergenciais e...o perigo é ser cooptado a votar neste semi_ analfabeto,racista,desequilibrado. Se ele ganhar...vou_ m' embora pra Pasargada,!

              • Barbara Guimaraes

                Triste realidade nós vivemos! Hoje assisti Marighella! Muito duro!

                • Maria dorta

                  Até quando nosso povo vai sangrar como cordeiro sem esboçar reação?Muitos se nada,catando no lixo,se desumanizando,outros vivendo nababescamente,a custa de nossos impostos e se petenizando na ( dês) política. Isso é uma vergonha! Não posso ficar calada vendo tantos absurdos! Feliz 2022. Gratissima por sua presença aqui.

                  • Nelson de Medeiros

                    Bom dia, poeta.
                    Tb assisti... Esse é o Brasil governado por um lunático...

                    1 ab

                  • DAN GUSTAVO

                    A esperança... não a perca! Agora é época, né...?!rs ou melhor, sempre é época! Ela é sempre indispensável, sejam quais foram as épocas, marés, acontecimentos, decisões, fenômenos ou 'mitos'...! Uma ótima semana e Feliz Ano Novo, Nelson!

                  • LEIDE FREITAS

                    No Brasil, estamos vivendo um período de regressão total na política, artes, educação, saúde, trabalho, enfim, em todas as áreas, a esperança de mudar alguns governantes é o que nos faz sobreviver.



                  Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.