Maria dorta

Velha Fogueira

Já estava do amor desenganada

Jazia um tanto desencantada

Duvidava até de mim,cansara,

de desenganos,paixões hilárias

 

Do amor, só restavam falsos sonhos

a virarem pesadelos bisonhos

Já estava do amor desenganada

Jazia um tanto desencantada

 

Da ilusão já me aposentara

Até  até já pendurara as chuteiras.

Chegas acendendo velha Fogueira

Já estava do amor desenganada!

 

Maria Dorta27-11_2021

 

 

  • Autor: Maria dorta (Pseudónimo (Offline Offline)
  • Publicado: 27 de Novembro de 2021 18:20
  • Comentário do autor sobre o poema: Nova experiência.
  • Categoria: Não classificado
  • Visualizações: 32

Comentários8

  • Edla Marinho

    Boa noite, Maria Dorta.
    Que legal!
    RONDEL é um estilo que gostei também, vou ainda exercitar, espero conseguir.
    Meu abraço!

    • LEIDE FREITAS

      Boa noite!
      Gostei da poesia.

      • Maria dorta

        Oi minha talentosa amiga,você aprenderá tudo que quiser! Seu gatilho é poderoso! Grata pelo incentivo.

      • 1 comentário mais

      • Nelson de Medeiros

        Boa noite poeta.
        Que belo rondel.
        Gosto muito

        1 ab

        • Maria dorta

          És o meu mestre!

        • Isel

          Estou desanimado com o amor também, mas sei que ainda há de vir uma adorável surpresa para mim nesta vida!

          • Maria dorta

            Quem espera sempre alcança. Esperança sempre!

          • Barbara Guimaraes

            Maravilhoso querida Maria, escreves com sentimento e maestria.

            • Maria dorta

              Teus elogios são de alguém abalizada na área e muito me honra,!

            • Shmuel

              Parabéns Dieta, um poema bem elaborado.
              Bom dia querida amiga e poeta colibri.

              Abraços!

              • Maria dorta

                Muita grata pela tua leitura,e pelo generoso elogio. Abç

              • Anny

                Um poema muito lindo. Traz muita sabedoria! Parabéns! Um lindo domingo, com muita inspiração!

                • Maria dorta

                  Sou grata pela leitura e amigável comentário. És do ramo!

                • @(ND)

                  Que top, Poeta Maria Dorta, nunca é tarde para amar, os sonhos e o amor é eternizado em nossos corações... Ótima semana!

                • Maria dorta

                  Nós poetas,temos a alma onirica e vivemos transformando pensamentos em vôos poéticos. A poesia acaba sendo amiga íntima. Grata pela leitura!



                Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.