Maria dorta

Alma Perdida

Por que meus cansados olhos

procuravam o teu  interior?

Assim descobriria em que fonte nascia

esse meu encantamento avassalador.

 

Degustar teus lábios  nos meus

Já lábios maduros,em desuso

sonhando usufruir o mel dos teus...

Tudo isso é  sonho,não me iludo.

 

Tua alma perfumada a minha impregnou

Alcancou-a e ela  assim se mudou

Você se foi,,nem percebeu:minha alma levou!

Só  meu corpo restou,frio, em estupor.

Será  que viva ainda estou?

Sou uma janela aberta para o nada.

Maria Dorta  11.09.2020

.

 

 

 

 

Comentários13

  • Meno Maia Jr.

    Gosto dos teus poemas, especialmente, das rimas, bem articuladas e musicais. As temáticas são de fino bom gosto. Um abraço, nobre Poetisa!

    • Maria dorta

      Sensibilizada com tua palavras,caro poeta, só tenho que dizer " sou aprendiz de feiticeira" e estou tentando arrumar essa sopa de palavrinhas para ver se dá em arte. Ainda acho que não! Grata pela apreciação.

    • Valdeci Malheiros de castro

      Belos versos, cara poetisa. Gostei muito.

    • Maria dorta

      Sua apreciação me fortalece. Agradeço de coração.

    • Edla Marinho

      As lembranças são importantes, né?
      Seja pra mais lembrar ou para esquecer..
      Gosto muito de seus versos, querida poetisa.
      Tenha um bom domingo.
      Meu abraço.

    • Maria dorta

      Comove- me tuas atenções. Grata pelo incentivo. Tenho ainda muito a aprender.

    • Shmuel

      Maria Dorta, você é uma baita poeta.

    • Maria dorta

      Shimul,você assim me estraga! Vou acabar acreditando!!

    • Shmuel

      ..."Sou uma janela aberta para o nada"...

      Simplesmente tênue! A poesia fica graciosa neste seu olhar cuidadoso.
      Boa tarde amiga colibri.

      • Maria dorta

        O poeta comentarista é que se sobressai por ser,ele próprio,grande demais! Abraços.

      • Edla Marinho

        Relendo e reafirmando o comentário. Lembrança move nossas emoções.
        Meu abraço!

      • (ND)

        Meu Deus , como gosto de ler tuas poesias , Maria Dorta... Como são belas tuas expressões poeticas... Gratidão pela partilha... TOP...

        • Maria dorta

          Nem chego perto das tuas/ mesmo assim, agradeço tuas palavras. Sempre se pode melhorar,estou a caminho...um abraço.

        • Ema Machado

          "Tua alma perfumada a minha impregnou

          Alcancou-a e ela assim se mudou"
          Que delícia, amei! Abraços,

          • Maria dorta

            Grata pela tua leitura e pela apreciação...estou ainda aprendendo com vocês,colibris.

          • Ernane Bernardo

            Belo poema nobre poetisa Maria Dorta, uma proeza para nossos ouvidos, recorte:

            "... Tua alma perfumada a minha impregnou
            Alcancou-a e ela assim se mudou
            Você se foi,,nem percebeu:minha alma levou!
            Só meu corpo restou,frio, em estupor.
            Será que viva ainda estou?
            Sou uma janela aberta para o nada."

            Abraços poéticos.

          • Hébron

            Maria Dorta, lindo poema!
            Abraço, amiga poetisa

            • Maria dorta

              Que bom ter sua apreciação! Uma honra!



            Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.