O ceu em poesia

POESIA CONFUSA



Quando tudo parece torto,
Parece errado sentar e esperar
Você não sabe onde é o começo
Nem o fim, e muito menos o meio...
.
Você quer achar uma forma,
De resolver certos problemas
Situações complicadas
Difíceis,
Mas você não sabe por onde começar.
.
Você senta e espera
Espera sentado
Vê o dia passar pela janela
Escreve palavras que não fazem sentido...
Escuta músicas aleatórias na rádio.
Tenta se distrair, ou ler um livro ou estudar...
.
Mas nada parece te dar uma resposta
Nada do que você faz
Mostra por qual caminho seguir...
E você divaga
Entre versos confusos
Enquanto olha pela janela
Sem nem mesmo saber se
Isso é o que você realmente sente..
.
Uma certeza: a vida é confusa
E você não se preparou para entendê-la.
.
.
Você também se sente assim?

  • Autor: Jady (Pseudónimo (Offline Offline)
  • Publicado: 9 de Junho de 2020 12:07
  • Categoria: Reflexão
  • Visualizações:
  • Usuário favorito deste poema:
  • Fração de Tempo.

Comentários5

  • Helio Valim

    Caro poeta! Sem dúvida, hoje mais do nunca, esse sentimento nos envolve. A poesia é o instrumento perfeito para extravasar todos os sentimentos, inclusive o sentimento da dúvida! Bela poesia, parabéns! Um abraço.

    • O ceu em poesia

      A poesia realmente é um ótimo instrumento. Muito obrigada

    • Hébron

      Jady, poema que nos chama à reflexão sobre nossa vida.
      A vida é mesmo confusa e não sei se estamos preparados para entendê-la, mas certamente estamos prontos para vivê-la...
      Abraço

      • O ceu em poesia

        Isso mesmo, mas seguimos, vivendo... Abraço

      • Nelson de Medeiros

        Com certeza, poeta, com certeza...

        1 ab e parabens pelos versos.

      • Sonia S.de Souza

        Pura verdade ,diante de acontecimentos diante de nós e em nossa vida..Parabéns linda poesia.

      • Fração de Tempo

        Perfeita reflexão! Me identifiquei.
        O tempo sempre nos dando motivos para pensar, refletir, escrever, descrever, voar e viajar....

        • O ceu em poesia

          Exatamente! Obrigada

          • Fração de Tempo

            Senti vontade de publicar sua poesia em meu blog e em minhas redes sociais.
            Farei com que seja dado todo o crétido a você. Concederia a mim esta honra?

          • 3 comentários mais



          Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.