Chico Lino

CALEIDOSCÓPIO


Aviso de ausência de Chico Lino
NO

CALEIDOSCÓPIO
Chico Lino

Constante na inconstância

A constância
Causar-me-ia ânsia

Solidifico
Se a poesia não extravasa

Liquefaço
Quando a poesia me arrasa

Sou gasoso
É a poesia minha brasa

Constante na inconstância...

Comentários3

  • Ema Machado

    Legal demais! Um jogo de sentidos bem descrito. Abraços,

  • Chico Lino

    Obrigado, Ema...

    Continuemos em nossas prospecções...

    Forte abraço...

  • Cecilia

    Chico Lino, que saudade de você! Adorei o Caleidoscópio! Abraços.

    • Chico Lino

      Quem bom sentir Saudades, somente nós temos... beijos....

      Já tomei a primeira dose... kkkk



    Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.