Lilian Fátima

Aldravias

descontrole         
da
razão
coisas
do
coração


semblante
carregado
aparência
revela
outro
mundo


fogosa
rédea
solta
uma
paixão
louca


indiferente
não
reticente
sim
estou
a fim
   
vício
mata
abstinência
de
ti
morri

Comentários3

  • Nelson de Medeiros

    Muito, mas muito bom mesmo Lilian. Parabens!
    Perfeição.

    1 ab

  • Poesia, Eu Sou iamai

    Bravo!!!

    Manda mais!!!

  • Viglio Schneider

    As paixões que nos fazem sentir e escrever, como é bom. 🙂

    • Lilian Fátima

      Agradeço a atenção e leitura. Abraços



    Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.