Nogueira_greg

Tão perto e tão longe de mim...

"Se sua razão te manda desistir

E o seu coração manda continuar

Ouça sempre aquele que

Está batendo para te manter vivo"

 

Bobagem!

 

No fim das contas o amor é egoísta

Como poderei cortejar aquela que eu amo

Se ela está nos braços de outra paixão

Vale causar-lhes desavença, para aliviar meu sofrimento?

 

Acho que não.

 

Hoje chorei ao encontrar

O primeiro presente que me deu

Um "biscuit" de um invertebrado

Tão feio quanto adorável

 

Risos entre lágrimas...

 

Estarei de pé

Ora batalhando contra a melancolia

Ora buscando me amar para ser amado

Estarei aqui, por quanto tempo suportar

 

Talvez?

Comentários2

  • (ND)

    Linda poesia... Causa e efeito... Belo!

  • Francy Valente

    É isso, poeta! O coração não sabe pensar e com isso pode entrar em algumas enrascadas! Aprendi que sim, ele pode ser dominado. Abçs.

    • Nogueira_greg

      A pior parte é que o sofrimento, às vezes, entorpece tanto quanto vicia. Além do medo de abandonar o amor significaria uma morte emocional... Muitas dúvidas e poucas respostas kkkk. Abraços

      • Francy Valente

        Ahhhh... Como tens razão!!!



      Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.