Desencanto

Maria dorta

A primeira vez me maravilhei

Muito reticente,me guardei

Estava com a vida em ponto morto.

Meio vivendo em banho_ Maria.

Confesso: você ativou meu sentir

Embora tenha feito de modo torto.

Assim de surpresa você agia

E  logo o primeiro beijo acontecia....

Rápido tudo de mim você teria.

Eu, cá de meu canto,tímida,arredia

Surpresa,queria e não queria.

Prudência aconselhava- me

Eu,surdamente nem a ouvia!

Depois,desculpas esfarrapadas

Era tudo que me ofertava.

E sua presença se esgarçava.

Com explicações desconjuntada.

Você colocou um final

No que nem sequer iniciara.

Fui cuidar dos furos n alma.

Tentar reacender minha aura!

Maria Dorta 13-11-2023

  • Autor: Maria dorta (Pseudónimo (Offline Offline)
  • Publicado: 13 de novembro de 2023 01:06
  • Comentário do autor sobre o poema: Mais uma sopinha de letrinhas na noite insone.
  • Categoria: Não classificado
  • Visualizações: 46
  • Usuário favorito deste poema: Heidlara.

Comentários14

  • Girassol

    Que poema lindo Maria Dorta! Muito profundo! Amei!

    • Maria dorta

      Gratidão querida. São meus delírios noturnos rsrs

      • Girassol

        Rsrsrs, acontece!

      • Shmuel

        Uma alma com furos...que pensamento bacana. Você é genial!
        Abraços minha querida, Dorta!

        • Maria dorta

          Não,amigo! O gênio poético aqui é você! Sou uma escriba noturna como coruja soltando seus pios! Gratidão pela leitura e opinião. Bjs

        • LEIDE FREITAS

          Um poema gostoso de ler. Quem nunca passou por isso, atire a primeira pedra

          Boa tarde e até breve!

          • Maria dorta

            Verdade. A história sempre se repete. Gratidão pela leitura e opinião!

          • Vilmar Donizetti Pereira

            Desencantos sempre acontecem... Parabéns pela sua bela poesia! Boa semana! Um abraço.

            • Maria dorta

              Gratidão pela leitura e pelo comentário apreciado por mim!

            • Nelson Silva Alves

              Inspiração tem seus poetas e poetisas para se expressar. mais tem algumas poetisas que a inspiração da prioridades parabéns por vc ser uma delas Maria Dorta linda poesia.

              • Maria dorta

                Você me deixa até encabulada com tantos elogios rsrs gratidão pela interação com meu modesto poema.

              • CORASSIS

                Entre sopinhas de letras e corujas soltas na noite insone , mas uma perola da amiga .
                Parabéns Dorta.
                Abraço.

                • Maria dorta

                  Gratidão por tuas palavras e pela Benevolencia de sua opinião.

                • Maximiliano Skol

                  Minha querida Dorta, uma história cujo desfecho terminou mal sucedido Teria de ser assim... O cafajeste nem merecia respeito, muito menos ser amado. Você chegou a sacudir a poeira e insinuou a ação de dar a volta por cima.
                  Poema de contexto elaborado com esmero.
                  Um beijo.

                  • Maria dorta

                    A gente vai vivendo e aprendo . Aprende_ se com enganos e desenganos e eu costumo transforma_ Los,algumas vezes, em poemas. Gratidão pelo teu inteligente e arguto comentário.

                  • SM Lino

                    Eu senti!

                    Senti tanto que desconfio de que esse seja um relato... muita vida em seu texto

                    Parabéns!

                  • Maria dorta

                    Quem tem a tua sensibilidade capta até o vento quando passa. Às vezes,transformo experiências vividas em poemas. Gratidão por teu comentário!

                  • Antonio Olivio

                    Ternurinha pura em vossa trova romantica nascida no seu lado inocente de onde jorra o mais doce amor.....

                    • Maria dorta

                      Tua resposta é quase um poema. Comove_ me ao extremo! Gratidão,Antônio!

                    • Edla Marinho

                      Bendita insônia, amiga Dorta!
                      Assim nascem os bons poemas!
                      Feliz fim de semana, meu abraço!

                      • Maria dorta

                        Tuas palavras me calam fundo n alma. Gratidão,querida amiga!

                      • Helena Rodrigues

                        Insónia e "furos na alma"...
                        Minha querida Poetisa, não lhe dê o valor que "ele" não merece !
                        Rendeu-lhe um excelente poema, por e só por isso já valeu a pena ter passado em sua vida .
                        Beijinhos minha querida amiga

                        • Maria dorta

                          Com tuas palavras e apreciacao chego quase a acreditar meu poema passou bem a informacao! Gratidão,querida poetisa!

                        • Sergio Neves

                          SERGIO NEVES - ...minha amiga, se, por esse teu bem alinhavado notívago relato, o sentimento amor dito não foi adiante, não prosperou como o desejado, ao menos o teu sentimento poético aproveitou bem a "situação" e fincou "bandeira" por aqui...,...as letrinhas dessa tua "sopinha" foram transformadas um um muito, muito bom escrito...,...foi-se o amor/paixão, ficou a poesia... /// Meu carinho.

                        • Maria dorta

                          Ave_Maria! Um comentário desse vindo de tão bom poeta deixa até a gente sem fôlego! Gratidão pela leitura e pelos elogios. Feliz 2024!



                        Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.