Amor Calado

Maria dorta

Será verdade que existe

Amor a' primeira vista?

Elo a que não se resiste,

surge e duas almas ligam.

 

Quando te olhei foi certeiro,

raio de sol rompendo nevoeiro.

Teu olhar foi como luzeiro,

Tua luz banhou_ me inteiro!

 

Amor pueril, exaltado

amor de poeta,um vate

Fui ao céu arremessado!

 

Bem te vi, fui ao céu alçado.

Mas, se não fui de teu agrado

Terás um amor fiel,mas calado!

Maria Dorta. 16_02_2022

  • Autor: Maria dorta (Pseudónimo (Offline Offline)
  • Publicado: 16 de fevereiro de 2022 01:16
  • Comentário do autor sobre o poema: Brincando de juntar letrinhas na noite.
  • Categoria: Não classificado
  • Visualizações: 61
  • Usuário favorito deste poema: Altofe.

Comentários10

  • Shmuel

    Puxa, deveras sentido este poema... você é demais no trato com as palavras.
    Bom dia amiga querida!

    • Maria dorta

      Parole,parole,parole...e as vezes a noite nos faz ficar meio frágil rsrs...apenas palavras enfileiradas. Gratidao pelas tuas palavras

    • Jose Fernando Pinto

      Existe sim querida Maria Dorta, o amor calado, o amor exaltado e por vezes escondido, o amor a distância que feito fragrância deixa o ar mais leve, a tristeza mais breve e o peito em disparada! Lindo texto, parabéns!

      • Maria dorta

        Sua leitura e comentário muito me honram! Ah! O amor sempre tramando armadilhas rsrs

      • LEIDE FREITAS

        Existe amor a primeira vista, segunda e até a terceira vista...tudo depende de você está aberta e se permitir.

        Gostei imensamente do poema.
        Boa tarde, Maria Dorta.

        • Maria dorta

          Pura verdade. Assino embaixo. Foi só um exercício poético em noite insone. Gratidão.

        • Altofe

          Que lindo versejar, exprimir tal sentimento de forma tão delicada e equilibrada é para quem sabe. Sempre aprendo mais com sua arte. Abs.

        • Maria dorta

          Você me faz cair no " pecado" da vaidade Altofe! Às vezes a noite nos faz ficar tecendo enredos. Sua apreciação me comove. Gratidão!

        • Ricardo Teixeira

          eu odeio poemas com rimas, e odeio esse tipo de poesia que você escreveu. Mas a sua é boa, e você me fez apreciar uma coisa que eu odeio. obrigado

          • Maria dorta

            Rima quem quer,quem não quer escreve versos brancos. Na democracia há lugar para tudo ( ainda há no Brasil!). Grata.

          • Maximiliano Skol

            Pode cair no pecado da vaidade, querida Dorta, pois estou junto com o Queirolo. Desta vez você fez as pazes com amor, e pior, à primeira vista.
            Um beijo.

          • Maria dorta

            Sempre a vaidade combato. Fico feliz com seu douto comentário!

          • Anny

            Uma linda composição! O amor a primeira vista, não sei se existe, mas uma bela faísca pode acender neste momento. Parabéns, poetisa! Um bom dia, cheio de encanto e alegria!

            • Maria dorta

              Gratidão pela leitura e tão generoso comentário. Abç.

            • Vic Cabral

              Meu coração foi roubado, por cada linha desse lindo Poema, na qual, vejo uma coisa pura e repletamente farto de sentimentos verdadeiros.



            Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.