SANTO VANDINHO

"MORTE" (Vamos nessa Poetas e Poetisas, Poetar sobre essa Transformação Insuportável) Paz e Bem!


"A morte...
É uma Transformação Insuportável...
Que a Origem (Universo), criou...
Matando o Amor"
----------
PAZ E BEM


CARAMBA! BOLAS P'RA TI, Ó MORTE:
- Eu existo enquanto homem
Com tristezas que me consomem
E que não deviam de existir
Desmerecidas razões
Que perfuram os corações
De quem se nega partir
P’RÁ MORTE:
- P’ra essa sempre certa morte
Que chega quando parte a sorte
Minha ou de um meu irmão
Essa morte nem má nem boa
Mas que em nossa mente ecoa
E nos aflige ao coração
Por: - João Jorge o Poeta Sorridente


A morte é uma passagem, cheia de mistérios!
Dizem que chega sem avisar,
Por isso, devemos sempre rezar,
Perdoar os inimigos, amar os amigos,
Estar sempre em dia com a oração,
deixar o pecado de lado,
Estar de bem com seu irmão do lado,
Amar a Deus, em primeiro lugar,
Pois a casa dele tem lugar, para abrigar muitas almas lá dentro!
Anny, 13/01/2022


A morte chega sem avisar
E vai lá estar sempre que a gente precisar
A morte vai nos acompanhar enquanto somos vivos
A morte vai nos acompanhar em momentos televisivos
Mas também no mundo que a gente vive, o mundo real
O mundo onde a gente convive, o que para nós deveria ser o mundo
A morte é como uma notícia fresquinha acabada de sair
Cai que nem uma bomba
E se por azar explodir
Que expluda bem longe da minha sombra
Johny11


A MORTE é o fim?
Não penso assim,
Acho que é o início
De uma vida diferente,
E que não estamos prontos
Para admitir.
Somos seres pensantes
E temos medo do desconhecido,
Queremos descobrir um jeito
De superar a morte
E nos tornarmos eternos,
Mas somos seres insatisfeitos
Se fôssemos eternos
Descobririamos um jeito
De inventar a morte.
( LEIDE FREITAS )