Anny

O Encontro Desejado

Naquele dia em especial,
Quando a despedida aconteceu,
Estava você e eu,
Olhando o horizonte,
Fazendo promessa de novo encontro!


Cada minuto longe de ti,
Um tormento, uma dor agora maior,
Pois de teu sabor agora tinha provado,
Querendo e desejando mais tê-lo aqui ao lado!


Parecia que tudo estava sumindo
Toda promessa que havia sido feita,
Agora, parecia um feixe de areia, 
Sumindo por entre os dedos!


As despedidas são difíceis,
Mas no íntimo a certeza era meu guia,
Por isso, parecia fácil deixá-lo ir,
Pois para mim, nosso encontro não tinha fim!


Era o eterno se movendo no cotidiano,
Nosso encontro, já estava marcado,
No calendário do tempo,
Que não sabe o início e fim dos anos,
Segue no infinito, infinitamente te amando!


Sem passado, nem presente!
O futuro também ausente!
A dor da ausência, alucinado as noites, em que tua presença, se recente!

Anny, 07/01/2022

 

Comentários6

  • (ND)

    O romantismo, a saudade e a poesia, lindos versos, poetisa Anny, bom ler-te... Valeu pela partilha!

  • Anny

    Grata por sua leitura e comentário. Fico feliz por ter apreciado. Um feliz sábado, com muita alegria e inspirações!

  • Anny

    Grata por sua visita e comentário! Feliz por ter apreciado a composição. Um ótimo dia para você, com muita inspiração!

  • Maria dorta

    Delicado,sensível,inspirado...não tenho mais adjetivos. Vai ser meu primeiro poema favoritado ,pode crer,!

    • Anny

      Oh poetisa que satisfação ter gostado e ser seu primeiro poema favorito. É uma grande honra ter seu comentário e mais ainda ter gostado de meus escritos. Gratidão imensa e muito feliz! Também amo ler seus escritos, cheios de sabedoria e inspiração para mim. Feliz sábado, com muita inspiração!

    • Janderson Shady

      Poema sútil, descrevendo com delicadeza a distância e a saudade. Obrigado por partilhar.

    • Anny

      Poeta, quanto satisfação em seu comentário e agradeço ter feito o poema como favorito. Gratidão! Um feliz sábado, cheio de inspiração!



    Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.