Ana Vilarejo

Fala de amor


Aviso de ausência de Ana Vilarejo
NO

Fala de amor

Passeia
Em cada olhar

Nos segundos
Ver passar

Um
Filme

Uma
História

De repente
Repete

Em cena
Congela

Entre
Os dedos

Fotos
Na tela

Brinca
Briga

Com
Sentimentos

Tanta
Saudade

Fala
De amor

Nas nuvens
Sem tempo.

 

- Ana Vilarejo

  • Autor: Ana Vilarejo (Pseudónimo (Offline Offline)
  • Publicado: 28 de Fevereiro de 2021 18:45
  • Categoria: Amor
  • Visualizações: 20

Comentários5

  • CORASSIS

    Lendo o teu poema, vejo um filme passar ,
    O amor em primeiro lugar desta historia.
    Parabéns Ana , abraço

    • Ana Vilarejo

      Sim, Corassis
      Em toda poesia o amor está.
      Obrigada por sua observação é sempre um prazer compartilhar.
      Forte, abraço!

    • Shmuel

      Tive a mesmo sensação do poeta e amigo Corassis. Um poema em flashes! Tens uma objetiva que capta os sentimentos de forma concisa, como uma película filmada em Super 8.

      Grande poeta, Ana Vilarejo.

      • Ana Vilarejo

        Olá, poeta
        Agradeço por sentir com delicadeza
        Cada passagem da poesia...
        É uma honra poder com vocês compartilhar.
        Forte, abraço!

      • Ser Humano

        Quando o li, senti como se alguém estivesse calmamente a recitar o poema para mim numa doce cadência entre respirações ofegantes.
        Muito bom, parece simples mas está é carregadíssimo de sentimento poético.

        • Ana Vilarejo

          Olá, poeta agradeço por sua atenção
          Nos detalhes da poesia.
          Os sentidos revelando os sentimentos
          que nela está.

          Forte, abraço!

        • Hébron

          Lindo, no seu marcante estilo de grande viagem em breves versos...
          Abraço, poetisa

          • Ana Vilarejo

            -Viagens poeticas
            Com muitos sentimentos...

            Me sinto lisonjeada grata por seu
            Carinhoso comentário
            Obrigada, Hébron.
            Forte, abraço!

          • Helena Rodrigues

            Bonito poema
            Felicitações
            Abraço

            • Ana Vilarejo

              Olá, Helena boa noite
              Obrigada
              Seja bem vinda sempre
              Abraço!



            Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.