Roseli Furini

DESEJO!

Meu pudor é desnecessário,

Me esmero para não transparecer meu desejo,

Meu corpo, a muito despertado,

Não se reconhece mais, é puro desejo,

Teu olhar me embriaga,

Sensações são despertadas,

E meu corpo pede entrega,

Não as evito mais,

Cheiros, toques, arrepios,

Tudo aflorando,

Tudo me fazendo despertar, 

De volta, não negando mais nada,

A entrega...doce entrega,

É o meu desejo,

É o meu corpo...querendo que te aqueças,

É o meu corpo...querendo que te esqueças

Somente em mim!!

 

 

  • Autor: Roseli Furini (Offline Offline)
  • Publicado: 24 de Abril de 2020 10:46
  • Categoria: Não classificado
  • Visualizações: 26

Comentários5

  • Nelson de Medeiros

    Lindo versejar , prenhe de amor e paixão.

    Muito bom.

    1 ab

  • SANTO VANDINHO

    Reflexivo / Sensual e muito lindo ! /// "É o Universo e sua Criação que o embriaga do Amor continuação" / Paz e Bem Poetisa !

  • jorge soares

    Falar sobre o amor que se revela em forma de desejo, que embriaga nossa alma e nos inspira a dizer estou louco por você, sem pudor ou com pudor só desejar viver desse amor.
    minhas palavras para meu pudor é desnecessário, lindo texto.

  • Marcos Galvão

    Sensualidade e docilidade uma riqueza de sentimentos!Chic Roseli.

  • Roseli Furini

    Queridos poetas,
    obrigada pelo carinho de todos, em suas palavras,



Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.