Carine Seganfredo

Dormindo Acordada

Me apaixonei por um semblante,

Sujo...

Perturbado...

Drogado...

Que me fazia acreditar 

Em suas,

Paranóias,

Mentiras,

Estórias,

Sem que eu pudesse acordar,

De um pesadelo que eu nunca imaginei que eu fosse voltar.

"Você vai  ser sempre isso que você olha no espelho",

Foram palavras ditas para me atacar,

Essas palavras me fizeram enxergar,

O quão eu era forte para me desapegar,

Daquela nuvem negra que eu mesma fiz questão de carregar.

Naquele dia 03 minha alma guerreira voltou a lutar,

De Aries á Saturno senti minha força propagar,

Lágrimas de alívio fizeram me libertar,

Daquele que um dia deixei a minha vida dominar.

 

 

 

 

 

 

Comentários2

  • Shmuel

    Belo poema! Tema sensível, e ao mesmo forte. Que bom que houve a libertação.
    Parabéns, poeta, Carine Seganfredo.

  • (ND)

    Poema forte e libertador, parabéns poeta pela escrita , muito bom!



Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.