Gabs De Luca

Eu tentei

Eu tentei, tentei não mais escrever

Sobre você ou sobre nós

Eu tentei sorrir

Deixar oculto no meu íntimo

Fingir nem mais me lembrar

Mas eu falhei

Mais de uma vez

Eu penso, penso nas decisões

Nos erros, nas brigas, nos beijos e abraços

Nas lágrimas que derramamos

Como faço pra que elas parem? 

Não era amor segundo você

Então me diga o que era

Eu não consigo não pensar, deixar ir

Teu cheiro continua aqui

Eu continuo aqui, junto com os meus fantasmas 

Que sussurram o quão insuficiente eu continuo sendo

A melhor escolha foi me afastar... Te afastar

 

Comentários1

  • Adriele Bernardi

    Que profundo Gabi, chegou até a dar uma pontada no peito... espero que fique tudo bem. Mas, acima de tudo meus parabéns por se libertar através da arte, nós agradecemos seu talento haha



Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.