LEIDE FREITAS

IRMÃ LUA

IRMÃ LUA 

 

Desde menina eu sentia

Que a lua me desejava 

Para sua companhia 

Em noite de lua clara

Eu tentava acompanhá-la

Ardendo o coração 

Corria pelos terreiros

Da casinha do sertão

De sua luz enamorada.

A lua desceu a terra

Moçinha bela e dourada

Cujos cabelos de ouro 

Clareava a velha estrada

Era uma deusa lunar

Que meus olhos ofuscou

Diante de sua luz

E de tanta formosura

Porque não há criatura

Mais bela na terra ou mar.

Sou irmã gêmea da lua

Sei tudo que ela sabe

Sinto tudo que ela sente

Hoje eu sou diferente

Porque ela me ensinou

Que somos filhos do amor.

A lua brilha no céu

Sua celeste morada

Eu brilho aqui na terra

Mas estamos entrelaçadas

Somos irmãs siamesas;

Há quem diga com certeza

Que tudo isso sonhei

Se foi sonho eu não sei

Mas eu gosto de pensar

Que a lua estou unida

E embora longe, nascidas

Não vamos nos separar.

 

LEIDE FREITAS

( 13.09.2022 ) 

 

  • Autor: LEIDE FREITAS (Pseudónimo (Offline Offline)
  • Publicado: 14 de Setembro de 2022 00:03
  • Categoria: Fantástico
  • Visualizações:
  • Usuário favorito deste poema:
  • Shmuel.

Comentários5

  • Maria dorta

    Agora sei de onde vem teu brilho poético: vem da Lua. Parabéns por mais um belo poema,!

    • LEIDE FREITAS

      Que gentileza, minha poeta maravilhosa! Obrigada por tua leitura e apreciação, seu comentário é incentivo para minha poesia.

      Boa noite, cara poeta Maria Dorta!

    • Shmuel

      De uma sensibilidade ímpar! Como é prazeroso começar o dia, com um deleite poética desta grandeza.

      Bom dia!

      • LEIDE FREITAS

        Um elogio de um poeta desse porte é um deleite para meus olhos e um incentivo para minha poesia. Obrigada, mestre.

        Boa noite, caro poeta Shmuel!

        • LEIDE FREITAS

          Obrigada, caro poeta Shmuel por me favoritar. Um abraço poético.

        • Hébron

          Que poema bonito!
          A lua é inspiração! Vc é inspiração!
          Abraço, poetisa

          • LEIDE FREITAS

            Obrigada, caro poeta Hebrom. Seu gentil comentário é um incentivo para melhorar minha poesia.

            Boa noite e até breve!

          • Ernane Bernardo

            Bela inspiração, a lua de fato é uma grande inspiração, por isso fizeste com esplendor. Grato pela partilha, abraços poéticos poetisa Leide Freitas.

            • LEIDE FREITAS

              Obrigada por tua leitura e apreciação. Fiquei lisonjeada com teu comentário.

              Boa noite, caro poeta Ernane Bernardo!

            • luamar

              Sem palavras, cara poeta!
              Como uma amante da lua, cada vez que leio, me apaixono mais pelo seu despertar de inspiração…
              Independente de sua fase, ela sempre caminha ao nosso lado, brilhando, com o seu doce mistério e com suas mudanças, nos inspirando cada vez mais!
              Gratidão.

              • LEIDE FREITAS

                Obrigada por tua leitura, apreciação e comentário. Sou mais uma apaixonada pela deusa lunar.

                Boa noite e até breve, poeta luamar!



              Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.