Barbara Guimaraes

Nada sei... só sei isso...

 

Nada sei... só  sei isso...

Adoro  filosofar... 
Amo divagar...
Até  viajar na maionese...
Me lambuzar, me encantar 
na leitura e na escrita...
ainda assim...
Nada sei... só  sei isso...

Eis minha descrição... 
filosofia e poesia minha cachaça, 
 meu vício  minha terapia...
 ou uma delas...
Poesia também  pode ser 
para mim um grande portal, 
onde minha alma atravessa 
sempre e  aprende...
eu aprendo com tudo que
 escrevo na minha barata, popular 
e simples poesia...
 sou uma poeta que usa a emoção,  
a filosofia com simplicidade 
mas, com um pouco de 
profundidade para os mais atentos...
Agradeço aos grandes mestres 
de todos os tempos que nos 
deixaram grandes ensinamentos...

Tudo eu não  sei...
Pouco aprendi...
Mas esse pouco eu compartilhei...

Bárbara Guimarães 
D/A9610 98

  • Autor: Bárbara eu sou (Pseudónimo (Offline Offline)
  • Publicado: 7 de Abril de 2022 22:22
  • Categoria: Não classificado
  • Visualizações:

Comentários2

  • Maria dorta

    Concordo contigo. Há tanto para aprender,e reconheço que o pouco que sei foi porque subi nos ombros dos grandes mestres. Mesmo assim,sei ainda tão pouco ..." Tudo não sei,pouco aprendi" ...aplausos pela percepção realista!

  • Claudio Reis

    Vivendo e aprendendo como diz o ditado, não é poetisa?

    Simpáticos versos!

    Abraços.



Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.