Hébron

Carta a mim

 

Nunca me escrevi uma carta...

 

Mas se assim fizesse, seria franco em apontar minhas queixas sobre mim, um tanto assim

 

Não me pouparia jamais e isso não seria crueldade, deve ser sempre bem recebida, pois, a verdade

 

Para me achar mais absurdo, eu faria reparos em vários dos meus critérios e declararia muitos dos meus mistérios

 

Alguns segredos para que me conhecesse mais profundamente eu revelaria, clareando-me um pouco das sombras... Ruborecido um boncado eu ficaria

 

Quem não possui algum segredo que gostaria de apagar ou deixar oculto em degredo?

 

Para me agradar, temperaria o discurso com um pouco de encanto, pois bem sei que das letras que seduzem eu gosto, e meus versos seriam desamarrados todos

 

Eu teria muito a dizer e muito me diria, escrever-me-ia com rigor do melhor uso do vernáculo para tentar me impressionar e, por certo, impressionar-me-ia

 

Pois percebo que gosto do capricho da escrita e da sensibilidade de sentidos que possam ser dados às frases ditas e das tantas ideias guardadas em embriões de poesias ainda não ditas

 

Eu poderia bem trazer algumas palavras novas ou o sentido delas com recursos da minha criatividade mudar, e até outras palavras inventar, com malabarísticos e sonoros arranjos neologísticos,  para que eu percebesse que meu próprio eu pudesse fazer-se sorrir

 

Sorrir com coisas que pudessem o mundo engraçar, como trava língua ou trava mente, do paladar travoso do verso saboroso do umbu cajá, ou jogos assim travantes para nos divertir simplesmente...

 

Algumas lembranças lembradas em palavras belas poderiam facilmente me arrancar algumas lágrimas, sei que sou emotivo e propositadamente iria explorar esses recursos nessa carta, nessas linhas, nessas páginas...

 

Certamente eu iria gostar da atenção da própria lembrança se a mim escrevesse uma carta!

 

Nunca me escrevi uma carta...

 

  • Autor: Hébron (Pseudónimo (Offline Offline)
  • Publicado: 1 de Março de 2022 08:11
  • Categoria: Não classificado
  • Visualizações:
  • Usuário favorito deste poema: Helena Rodrigues.

Comentários5

  • Shmuel

    Querido Hebron! Escrevo essas mal traçadas linhas.....kkk
    Adorei a carta que escreveu para você mesmo. Não se esqueça de converse com o Corassis, para ele acelerar a entrega da mesma.
    Abraços ao amigo e poeta colibri, Hebron!

    • Hébron

      Shimul! Escrevi mas ainda não postei, estou com receio de não gostar do que escrevi... Mas vou confiar ao Corassis a entrega da missiva ao meu querido destinatário!
      Abraço, meu caro amigo

    • Edla Marinho

      Sem palavras, Hébron!
      Se eu lhe escrevesse um comentário, por certo eu tentaria achar as palavras certas, esmerar-me-ia para encontrar o tom e o compasso da bela escrita; tentaria(talvez em vão) buscar no meu singelo vocabulário palavras intelectuais, inteligentes, elegantes para estar à altura de tão brilhante missiva escrita por tão talentoso remetente/ poeta, a quem eu, plagiando nossa amiga Maria Vitória Dorta, tiro meu chapéu.
      Parabéns e meu abraço!

      • Hébron

        Edla, é muito gratificante para mim receber tão carinho comentário! Muito obrigado, minha amiga querida. Abraço

      • LEIDE FREITAS

        Interessante poema. Inspirou-me. Vou escrever uma carta para mim para ler em 2032, isso, se ainda estiver viva.
        Ler-te é sempre um prazer.

        Boa noite, poeta Hebrom!

        • Hébron

          E é um prazer para mim ter sua presença!
          Quando escrever sua carta, deixe a gente ler antes de vc!!!
          Abraço, Leide

        • Helena Rodrigues

          Meu Caríssimo amigo Poeta,
          Quando escrever essa sua carta a si
          Não esqueça de mencionar que tem uma fã, aqui em Portugal,
          Um momento de Divina inspiração, Aplausos
          Com todo o respeito,
          Grande Abraço Poeta

          • Hébron

            Minha amiga poetisa, é muito bom receber comentário tão gentil!
            Muito obrigado, poetisa de além mar!
            Abraço

          • Ernane Bernardo

            Parabéns, poeta Hébron Reis, criatividade, inspiração, e com esmero escreveste uma bela carta poema. Ótima sexta-feira cheia de inspirações, abraço poético.

            • Hébron

              Meu amigo, muito obrigado pelo gentil comentário! Feliz sexta-feira para vc! E feliz quinta-feira também! rsrs
              Grande abraço



            Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.