Odoyá, Mamãe

Hébron

 

Odoya, rainha do mar

As ondas dançam, tem festa!

Hoje tem festa no mar

Abençoando todo caminho

E nossos caminhos de andar

Grande mãe, seus filhos são peixes

Mãe d'água manda avisar

Hoje é só perfume e vários enfeites

Para fica mais bonita

Não pesque nas águas de sal

E essa água salgada molha a gente

Livra-nos de todo mal

E a água doce alivia a sede, é bendita

Adocicando a alma da gente

Receba, oh! mar! Oh! mar, receba 

Receba, acolha, transmute e transforme 

Todo o mal de nossas vidas e nos socorre

Odoya, rainha do mar

As ondas dançam, tem festa!

Hoje tem festa no mar

Abençoando todo caminho

E nossos caminhos de andar

OMI Ô ODO IYÁ ERUIÁ

 

  • Autor: Hébron (Pseudónimo (Offline Offline)
  • Publicado: 2 de fevereiro de 2022 17:59
  • Categoria: Não classificado
  • Visualizações: 37

Comentários2

  • Maximiliano Skol

    "Chegou, chegou, chegou
    Afinal que o dia dela chegou
    Dia dois de fevereiro
    Dia de festa no mar
    Eu quero ser o primeiro
    Pra salvar Yemanjá"
    Isso mesmo, prezado Hebron,
    Dorival Caymmi prestou homenagem, também, à Rainha do Mar. Vejo que você está incluso no linguajar típico e na alma dos festejos a Iemanjá.
    Lindo poema.
    Um abraço.

    • Hébron

      Muito obrigado, Maximiliano!
      Gosto muito do tema religioso e da fé que a gente carrega. Muitas coisas não precisam ser explicadas, e versos precisam apenas da nossa emoção...
      Abraço, meu amigo

    • Jose Fernando Pinto

      Maravilhoso texto amigo Hébron, o mar, água salgada, o vento, liberdade, Yemanjá!

      • Hébron

        Miito obrigado, José Fernando!
        Grande abraço



      Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.