Bird

Forte Amor

Todo amor um dia vira dor...

De toda dor um dia existiu o amor

Surgiu também o ardor

Forte amor

Mais quente que o fogo

Mais frio que o gelo

Tão intenso quanto a vida

Forte amor

É tão enlouquecedor

quanto arrebatador

É a felicidade 

a pureza

a tristeza

o ódio

e um dia...

és tua morte

Forte amor

Enjoa com o tempo

Cativas com o mesmo

Se esvaiando

Se completando

Se intensificando

Tens tão poder

Mas falta o poder

Germina do berço

Finaliza no templo

Conserva o tempo

...

Forte amor

 

Comentários1

  • Zaira Belintani

    Que lindo!!!
    Aplausos, poeta!

    • Bird

      ? ? Obrigada!!



    Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.