JOHNNY11

O lado escuro da cidade



A cidade está um caos

Onde obedecem os bons e reinam os maus

Desengane-se quem pensa que eu vou descer os degraus dos sonhos

Paguem para ver, cinquenta paus!

 

Ainda não sou milionário

Vivo do trabalho precário

Não estou para fazer figura de otário

Já basta a que fiz, no conto do vigário

 

Não é fácil ser famoso

Desde muito novo que vejo os outros

Ficarem-me com os louros

Ou muito me engano ou vou dar em doido

 

Sou alvo de violência

Mesmo quando peço um pouco de clemência

Eu bem tento ter paciência

Mas ainda não adquiri essa sapiência



Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.