Frieza

Rafaela Tomaz

FRIEZA

Seila,não sei explicar..

Oque eu mesma sinto 

São sentimentos um pouco frio

Ao mesmo tempo me trazem arrepio,

As vezes penso que estou em um mundo sem saída

Onde tenho em minha vida sentimentos a zelar,

Caminho no abismo sem saída e hora para voltar.

As vezes as próprias palavras fogem da minha mente,

Onde me pergunto;

Será que existe alguém que me entende?

  • Autor: Rafaela Tomaz (Offline Offline)
  • Publicado: 11 de fevereiro de 2024 10:40
  • Categoria: Não classificado
  • Visualizações: 5

Comentários1

  • Shmuel

    Através da poesia se pode conhecer um pouquinho as intenções do poeta. O resto é criatividade, inspiração e sensibilidade.
    Abraços!



Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.