ERALDO

FAÇA VOCÊ MESMO.

Pedi o vento para levar meus pensamentos ele disse que andava apressado demais, por isso ele não poderia parar para da atenção aos meus sentimentos, ainda disse que não iria perde tempo comigo.

 

Decepcionado fui ver com a lua, ela disse  que não teria como ela me ajuda, disse que só iria passar as altas madrugadas e  não iria te acordar somente para da meu recado, é que só iria voltar na outra noite.

 

Então apelei para chuva, ela me pediu desculpas, disse que ela não tinha nada programado para a localização em que você mora, talvez passaria aí mês que vem, mais ela iria passar tão rápido que não teria tempo nem de apagar a poeira a beira da estrada.

 

Mesmo depois de ouvir  muitos não, eu não perdi a esperança. Então fui procurar alguém para leva meu recado, olho para o céu vejo uma nuvem passando bem perto de mim, então eu gritei. Nuvem nuvem espere um pouco, ela fez de conta que não me ouviu.

 

Então o sol seria a única esperança para da meu recado, e quando vir ele surgindo por detrás das montanhas parecia que ele vinha se escondendo de mim. Então ele flechou os raios em direção dos meus olhos.

 

Eu disse sol você pode levar meu recado? Ele disse caro amigo ando muito apressado não vou ter tempo de levar o seu recado, por que as seis horas tenho que me esconder, esse e o motivo de não poder dizer seu recado.

 

Depois de tanto ouvir o não como respostas, cheguei a conclusão que ninguém ta dispostos te ajudar, se você quiser conseguir algo faça você mesmo.

Eraldo Silva.

  • Autor: Eraldo sousa Silva. (Pseudónimo (Offline Offline)
  • Publicado: 14 de Setembro de 2023 11:31
  • Categoria: Conto
  • Visualizações: 3

Comentários1

  • tereza.lima

    Boa noite Eraldo, seu poema é um resquício de real sobre a vida, a natureza, nosso dom de caminhar sobre obstáculos, o qual os tropeço nos encorajam a erguer-se.

    Algo que li de ti, suas vivências e lutas, existem uma riqueza indescritível, a qual levarás com carinho e orgulho as suas futuras gerações.

    Desejo-te um fds com saúde e lu*és familiares. Att.

    • ERALDO

      Obrigada amiga pelos elogios, pelo comentário desejo um final de semana abençoado pra você.



    Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.