Vanessa1

.

Há dias que sentimos que somos o próprio sol de 40°.

Você se maquia, liga o som alto e não há nada que tire o seu brilho.

Porém, há dias que tudo parece um breu, sem saber o que está a frente, você se mantém no mesmo lugar, pois teme se perder e se machucar, afinal em seu coração há várias cicatrizes da qual nunca ninguém soube das feridas e tudo que você menos deseja é reabri-las.

Você quer está só, mas não dispensaria a ligação de um bom amigo.

Você quer chorar, mas não dispensaria uma boa piada que o fizesse rir.

Com cabelo despenteado e de pijama, pois tudo não parece ter sentido, seus ouvidos agradeceria em ouvir: você é maravilhosa só por ser você!

O mundo escuro e silencioso é seu, mas parece que a humanidade está habitada nele.

Ninguém consegue ouvir seu pedido de socorro!

Ninguém consegue perceber suas lágrimas no meio de um riso forçado!

É garota, você precisa ser sua própria heroína. 

Seja sua própria voz no silêncio.

Confie no seu criador como a lanterna para os seus pés.

Siga adiante e enfrente seus vilões.

Eu te espero na linha de chegada.

 



Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.