Dehya

Flor do Campo

 

Flor do campo

Tens mãos finas e delicadas

Planta rosas, girassóis

Lavandas perfumadas

Os saloios se encantam

Com tua formosura

És fada de amor-perfeito

És uva madura

Fresca da videira

O olhar que semeias 

É doçura

De teus lábioscampesina

Expiras frescura

És anjo

Não quer saber de amar

Tua paixão é plantar, colher

Semear

Cândida flor

Dentro de ti

Tens um jardim

Que pulsa

Tulipas, lírios, jasmins

Tua vida é simples

Teus dias exaustivos

À noite rejuvenesces

Brotam de teu rosto

Flores de sorriso!

 

~Dehya~

Comentários7

  • Rosa Desirré

    Eu também Dehya
    Poema bonito e florido
    Parabéns.

    • Dehya

      Muito obrigada, Desirré!
      Rosas, flores... são todas lindas!
      Boa noite, querida!
      Abraços!

    • Shmuel

      Muito lindo, Dehya! Falar de flores, por si, já é algo prazeroso. Agora escrever um poema sobre uma Guajira que trata as flores com tanto amor, é sublime.
      Abraços a poeta, Dehya!

      • Dehya

        Muito obrigada, Shmuel!
        Nossa! Quantos elogios!
        Boa noite, Mestre Poeta!
        Abraços!

      • Anny

        Magnífico, um belo poema. As flores são lindas criações de Deus. Eu também acho flores de todas as cores e tipos lindas. Parabéns! Um ótimo descanso!

      • Dehya

        Muitíssimo obrigada, Anny!
        Amo todas flores também.
        Boa noite, querida!
        Um abraço

      • Ernane Bernardo

        As flores são bonitas por natureza, mas quando elas viram poemas, mais lindas ficam, aplausos, adorei poetisa Dehya, abraços poéticos.

        • Dehya

          Muito obrigada por ser tão gentil!
          Abraços, caro poeta Ernane!

        • lucita

          Prazer de ouvir tão encantado e encantador tema. Fores são como nossa alma quando nela há poesia!
          Bela inspiração!

          • Dehya

            Muito obrigada, Lucita!
            Abraços, querida!

          • Edla Marinho

            Tão bom quanto admirar a criança de Deus, as flores, é vê - las exaltadas em poesia.
            Linda, muito linda sua poesia, querida Dehia.
            Grata por partilhar, meu abraço.

            • Dehya

              Muito obrigada, Edla!
              Um abraço, querida!



            Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.