Lilith_

Ela se foi....

Ela se foi

Ela partiu

Ela cansou

Ela desistiu

Ela me consumiu 

Por inteiro não só de forma figurativa 

Eu me entreguei 

Eu me abri

Eu me importei 

Eu amei 

Por completo até não sentir mais nada

Quando vejo o brilho da cidade lembro de você 

Lembro do seu sorriso e das diversas histórias sobre viajar o mundo

Lembro do suor escorrendo no seu rosto depois de uma caminhada 

Rosto esse que nunca me cansou tanta beleza

Exalava amor mas quem bem via, sentia que havia tristeza 

Seus poemas merecem ser lidos por todos

Poemas esses que me salvaram 

Que tiraram da cabeça uma ideia de auto destruição 

Você via beleza em diversas coisas 

Até nas imagináveis 

Eu só via beleza em você

Nunca vi beleza em nada 

Até te conhecer 

Depois disso me senti vivo 

Mas hoje me deparo morto

Com sua ausência 

Que por culpa do meu jeito de ser 

Se tornou muito presente

 

Comentários3

  • Shmuel

    Lembrança boa e triste! Um poema apaixonante!
    Parabéns, Lilith, tens uma inspiração e tanta. Fala docilmente sobre partidas e adeus.
    Bom dia!

    • Lilith_

      Muito obrigada! Fico inspirada com seu comentário.

    • LEIDE FREITAS

      Gostei ????

    • Janderson Shady

      Complicado não esquecer alguém que se foi. Obrigado pela prosa.Favoritada

      • Lilith_

        Complicado...
        valeu



      Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.