Mizielly

A espera

A ESPERA

 

Estou na janela de casa observando o barco indo junto ao mar.

Vejo o sol desaparecendo junto do mesmo e sendo consumido pela escuridão.

E além das lágrimas de tristeza no meu olhar

O sinto consumindo todo meu coração.

 

Freneticamente meu pensamento vagam pelo passado cheio de arrependimento

Querendo volta no tempo para mudar

Quero contar para alguém 

Mas os meu atos não deixou ninguém para eu contar

 

Os pingos de chuva começa a cair

E minhas lágrimas se juntam a elas

Pelos meus erros

Se vão anos de espera

 

O barco e o dia se foi levando consigo quem eu mais amei

Me deixando sozinha

Destruí a vida da pessoa que cuidou de mim, por egoísmo e vingança

E hoje o vendo partir me arrependo e só me resta anos de esperança

 

Mas de toda a minha vida de arrependimento eu fiz algo que já mas me fará se arrepender

Enquanto meu amado embarca no barco

O meu coração dele eternamente vai ser.



Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.