TECELÃO

Sandro Paschoal Nogueira

#TECELÃO

Sim!
Sou um poeta...
E aos todos digo...
Antes que a noite chegue...
E que mate a luz...
Desde quando o sol vai à forja...
Até quando a lua no céu cavalga nua...
Desde quando a terra dá e tira...
A sonhar estou atento...
Em um mar sem rumo certo...
Quando me vagueio...
Vejo todo um mundo num grão...
Tenho o infinito na palma da mão...
Não duvide daquilo que vê...
Jamais saberá das respostas...
Não as dou...
Bebo a vida  a longos tragos...
E só amando...
Tenha certeza disso...
Me embriago...
E sendo assim tão simples e feliz...
Caminhando sobre as estrelas...
Faço assim em meu jardim...
O que sempre quis...
E num dia depois do outro...
Sem pressa a alcançar...
Vou bordando a todo tempo...
Meu destino...
Até  Deus chamar...

Sandro Paschoal Nogueira 

facebook.com/conservatoria.poemas

  • Autor: Sandro Paschoal Nogueira (Pseudónimo (Offline Offline)
  • Publicado: 19 de julho de 2021 23:57
  • Categoria: Não classificado
  • Visualizações: 4

Comentários2

  • Antonio Cícero da Silva (Águia)

    Perfeitamente poeta amigo e tecendo aos belos versos, todos nós passamos a ganhar, com tão belas partilhas poéticas. Meus aplausos!

  • Sandro Paschoal Nogueira

    Bom dia. Muito obrigado pela sua atenção. Fico feliz que tenha apreciado. Um grande abraço e fique com Deus



Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.