Helder Duarte

Conflito

A nuvem escura tapou o sol!
Mas a luz, já estava na terra.
O vento pôs a árvore na terra mole.
Depois derrubou as árvores da serra.

O mar ameaçou toda a terra...
com suas ondas muito fortes.
Foi declarado ao lírio guerra,
por os ventos, dos bosques!

Mas a terra ajudou a árvore,
que não teve nada de grave.
A árvore no chão teve vida!

A árvore deu o seu fruto...
mesmo no chão caída!
E o sol deu sua luz, sobre tudo!



Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.