_patycarmo

Gotas de Chuva


cabelos desatados
braços que abrigam
gotas de chuva a cair
gotas que lavam
que levam
elevam
inundando-me
desaguando-me de mim
levemente
brevemente



Para poder comentar e avaliar este poema, deve estar registrado. Registrar aqui ou se você já está registrado, login aqui.