//meuladopoetico.com/

Jose Fernando Pinto

Aurora

Hoje mais uma vez

perguntaram por que eu gosto tanto de poesia,

sem ter resposta pronta

eu disse que é uma espécie de fantasia,

porque eu imagino um mundo diferente

cheio de gente numa mesma sintonia,

e ao invés da moeda corrente,

nós acumularíamos melodia,

para ir de um lugar ao outro

eu voaria,

para enfeitar o deserto

muitas flores eu plantaria,

o meu interlocutor

disse que é utopia,

então pedi a ele um favor,

se acha que é loucura, sorria,

ele ficou meio sem jeito,

sorriu e foi embora,

eu abri as minhas asas

e fui apreciar a aurora!

 

Jose Fernando Pinto